Hoje: 17/09/2019
    Horas: 00:00:00
×
Após dizer que pararia de atuar contra garimpos, chefe do Ibama no PA é demitido

Após dizer que pararia de atuar contra garimpos, chefe do Ibama no PA é demitido

  • 11/09/2019
  • Poder 360

‘Sou soldado e sei cumprir ordem’, disse

Havia assumido o cargo em 4 de setembro

O novo superintendente regional do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente) no Estado, o coronel da Polícia Militar Evandro Cunha dos Santos, foi demitido na tarde desta 3ª feira (10.set.2019). A informação foi divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo. 

A demissão vem após Evandro Cunha ter dito, em audiência pública realizada em Altamira (PA) mais cedo, que pararia de danificar equipamentos apreendidos em garimpos ilegais no Pará. Segundo o jornal, a declaração foi feita sem respaldo do governo do presidente Jair Bolsonaro.

“Fiquem certos que isso [a destruição de equipamentos] vai cessar, entendam que nós somos únicos, mas vamos trabalhar diuturnamente para acabar com essa problemática de estarem danificando patrimônio alheio. O trabalhador merece respeito, e terá o respeito do governo federal. Eu sou soldado e eu sei cumprir ordem, a ordem que recebi foi para parar com isso daí”, afirmou Evandro Cunha dos Santos mais cedo.

O superintendente havia assumido o cargo em 4 de setembro. A exoneração, assinada pelo ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente), será publicada na edição desta 4ª feira (11.set.2019) do Diário Oficial da União.

Pela legislação, a destruição de produtos e instrumentos usados em crimes ambientais é autorizada quando não for possível retirá-los da mata.

Segundo o jornal, para fiscais do Ibama, a fala de Santos coloca em risco servidores do órgão que atuam em operação no município de Altamira (PA), que lidera os índices de desmatamento e de focos de incêndio no país.

 

Atualmente, grupos de garimpeiros vêm respondendo com violência e protestos às fiscalizações feitas pelos órgãos ambientais no Pará. Em 30 de agosto, agentes do Ibama foram alvos de tiros próximo a uma área indígena da região. Para a Polícia Federal, os criminosos queriam intimidar as ações de combate a garimpos ilegais na região.

Além disso, desde 2ª feira (9.set.2019), 1 grupo interdita a rodovia BR-163, em Itaituba (PA) pedindo a legalização de áreas de garimpos.

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho