Hoje: 14/12/2019
    Horas: 00:00:00
×
SP:  Motorista de aplicativo joga mulher para fora de carro após discussão

SP: Motorista de aplicativo joga mulher para fora de carro após discussão

  • 29/11/2019
  • G1 SANTOS

Mulher bateu a cabeça na calçada e desmaiou. Vítima foi atendida e passa bem.

 

Uma mulher foi empurrada para fora do veículo de um motorista por aplicativo e desmaiou ao bater com a cabeça na calçada na madrugada desta sexta-feira (29) em Santos, no litoral de São Paulo. De acordo com a vítima, as compras da família estavam no porta-malas e foram levadas.

O caso aconteceu na Avenida Ana Costa com a Avenida Presidente Wilson, por volta de 1h. A família havia acabado de fazer compras em lojas no Gonzaga e chamou um motorista pelo aplicativo de corridas para levá-las de volta para casa.

Em entrevista ao G1, a aposentada Elizabete Andrade Bamonde, de 51 anos, contou que no início da corrida, o motorista não apresentava irritação. "Conversamos com ele normalmente, pedimos para ele abrir o porta-malas e colocamos as compras. Entramos no carro e minha neta foi a última a entrar, na porta de trás", relata.

De acordo com a aposentada, o motorista acelerou o carro antes da neta fechar a porta. "Eu falei: 'Nossa, que moço doido, né?' e ele ouviu. Nisso, ele ficou muito estressado, dizendo que o carro estava cheio, brigando com a gente", conta.

Elizabete contou que, no carro, eram seis passageiras, contando uma criança de colo e três adolescentes. "Elas são muito magrinhas, foram atrás sem problemas. Tinha uma bebê no colo", relata.

A discussão, de acordo com a vítima, aumentou. "Ele estava muito alterado, dizendo que eu pagaria a multa que ele tomasse. Eu disse que pagaria, mas não queria discussão". Para evitar confusão, ela conta que decidiu pedir para sair do carro e chamar outro pelo aplicativo, enquanto as familiares seguiriam viagem. "Elas estavam com medo de ficar no carro com ele e desceram comigo".

Ao procurar dinheiro na bolsa para pagar a viagem, sentada no banco do passageiro com a porta aberta, o motorista acelerou o carro e jogou para a esquerda, arremessando a aposentada na calçada. "Eu caí e bati a cabeça. Tudo apagou, não lembro de mais nada", relata. "Fiquei sabendo que minha filha de 15 anos, ao me ver caída, desmaiou e bateu a cabeça também".

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionadas e fizeram o atendimento. As duas foram encaminhadas à Casa de Saúde de Santos.

As compras, avaliada pela vítima em R$ 500, ficaram no porta-malas do veículo. As sacolas continham roupas, presentes de Natal e compras domésticas da família. Um boletim de ocorrência foi registrado no 7º DP de Santos como lesão corporal, omissão de socorro e furto.

Em uma nota enviada ao G1, a 99 lamentou o ocorrido e informou que mobilizou uma equipe para apurar a situação e que está disponível para colaborar com as investigações da polícia. Ainda de acordo com a assessoria de imprensa do aplicativo de corridas, o motorista já foi identificado e bloqueado da plataforma.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho