Hoje: 09/12/2019
    Horas: 00:00:00
×
Estudantes de Cuiabá irão representar o Brasil em conferência de tecnologia em Harvard

Estudantes de Cuiabá irão representar o Brasil em conferência de tecnologia em Harvard

  • 03/12/2019
  • Ilhar Direto

Um grupo de estudantes da Escola Estadual Presidente Medici irão representar o país na Brazil Conference 2020, que acontece na Universidade de Harvard e no Massachusetts Institute of Technology (MIT), nos Estados Unidos. A participação no evento é resultado do Desafio Tack, onde os mato-grossenses se consagraram como vencedores por meio de uma plataforma de turismo e atividades culturais para pessoas com deficiência (PCD).

O objetivo do grupo vencedor é levar conhecimento cultural ao maior números de pessoas, viajando ou dentro de sua própria cidade, através do acesso às informações dos principais eventos, que possuam acessibilidade necessária para cada limitação. O site, que em breve estará no ar, é um convite ao público, para desfrutar do que há de melhor ao redor do País, sem limites a qualquer indivíduo, independentemente da sua deficiência.

O Desafio Tack é um dos maiores desafios de empreendedorismo jovem do Brasil, ministrado pela Junior Achievement, que este ano, pela primeira vez, contou com a participação de alunos do ensino médio das escolas públicas de todo o país. A equipe da Escola Estadual Presidente Medici competiu com outras quatro escolas finalistas, do Maranhão, São Paulo, Santa Catarina e Tocantins.

Já as demais equipes finalistas, apostaram em projetos como: realidade virtual em 360, com conteúdos culturais para a população que não tem acesso à internet (Instituto Federal de Santa Catarina); visibilidade à cultura em comunidades da periferia, através da criação do Pericode, conteúdo digital produzido pelo QR Code (Instituto Federal de São Paulo) e ICUL, app que proporciona visibilidade ao potencial histórico, turístico e cultural da região do Tocantins, com imersão dos usuários por meio de imagens 360°e função offline para atender as áreas com acesso limitado à internet (Instituto Federal do Tocantins).

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho