Hoje: 08/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
Assassino de dois homens em Peixoto de Azevedo  enfrenta a polícia e morre em tiroteio em Guarantã do Norte

Assassino de dois homens em Peixoto de Azevedo enfrenta a polícia e morre em tiroteio em Guarantã do Norte

  • 30/12/2019
  • Só Notícias

O criminoso que matou dois homens, na véspera de natal, em Peixoto de Azevedo/MT, morreu, há pouco, em tiroteio com policias militares perto da divisa de Guarantã do Norte com o Pará. Ele voltou a enfrentar os soldados que tentavam capturá-lo, atirou, eles revidaram, foi atingido e faleceu no local.

“Hoje à tarde, ele foi visto de moto, fazendo algumas compras no comércio em Guarantã e fugiu com destino ao Pará”. “Foi feita abordagem na BR-163, próximo ao antigo Posto Fiscal, ele reagiu e foi alvejado”, confirmou, ao Só Notícias, o tenente coronel James Ferreira, comandante regional da PM em Peixoto.

Ontem à noite, policiais descobriram que ele ainda estava em Peixoto de Azevedo. “Foi feito cerco, ele reagiu atirando nos policiais e fugiu pela mata”. “Nossas equipes de Peixoto, Terra Nova, Matupá e Guarantã, incluindo vários policiais que estavam de folga, passaram a noite cercando a área. Hoje pela manhã, o helicóptero (da base de Sorriso) sobrevoou a mata e constatamos que ele não estavam na área”, acrescentou o coronel. O criminoso passou a fugir de moto e tentaria se esconder no Pará.

James também informou que o assassino estava com “câncer, em estágio avançado e vivia pensando que não tinha mais nada a perder. Ele estava vivendo uma ‘vida louca’. Era um elemento de alta periculosidade porque matou duas pessoas a sangue frio”, apontou o comandante regional. Antes de cometer o duplo homicídio, ele havia sido preso por falsidade ideológica.

O assassino executou, na feira, a tiros de revólver, o feirante Almandino Alves Soares, de 59 anos, e Reginaldo dos Santos, de 51 anos, quando foram cobrar uma dívida, que seria da venda de produtos. Os dois foram sepultados no dia de natal, em Peixoto.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho