Hoje: 11/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
 Mãe e padrasto são presos após bebê ser morto a socos e dentadas em SP

Mãe e padrasto são presos após bebê ser morto a socos e dentadas em SP

  • 07/01/2020
  • G1 SANTOS

Criança estava com mordidas no rosto e fratura em diversas regiões do corpo, como crânio, mandíbula e tórax.

 

A mãe e o padrastro de um bebê de um ano e três meses foram presos em flagrante, na manhã desta segunda-feira (6), suspeitas de matarem a criança em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Segundo laudo médico, o bebê apresentava diversas fraturas, uma mordida no rosto e hematomas espalhados pelo corpo. A criança chegou a ser levada já morta ao hospital pelos suspeitos.

O menino Anthony Daniel de Andrade Moraes foi levado pelo padrasto, Ronaldo Silvestrini Junior, de 22 anos, à Unidade de Pronto Atendimento Samambaia por volta das 23h40 de domingo (5), já sem vida. A polícia foi chamada depois que os enfermeiros de plantão sinais de agressão no corpo da criança.

De acordo com o relato das testemunhas à Polícia, a criança chegou à unidade de saúde com sangue na boca, sendo carregado pelo padrasto. O bebê tinha uma mordida no rosto que o padrasto afirmou ter sido feita por um filhote de cachorro da família. Contestado sobre ser dentição humana, ele respondeu que teria sido um outro filho do casal, de cinco anos, que mordeu o bebê.

Ainda de acordo com o depoimento dado à polícia, o padrasto relatou que colocou a criança para dormir às 19h de domingo após o bebê mamar. Quando a mãe, Giulia de Andrade Candido, de 21 anos, chegou do trabalho, por volta das 20h, ela teria visto o filho de longe, enrolado no cobertor, e não quis acordar o bebê, saindo para comprar salgado para o outro filho, de cinco anos.

Já por volta das 23h30, a mãe disse que decidiu olhar o filho. Foi, segundo ela, quando percebeu que a criança já estava morta no berço. Os dois enrolaram o bebê em um cobertor e levaram à emergência. Questionados sobre os ferimentos de Anthony, o casal se contradisse, dizendo primeiro que não lembravam dele ter se machucado e, na Delegacia, afirmando que ele havia caído há dois dias do alto de uma escada em formato 'caracol' na casa onde residem.

Questionada sobre o motivo de não ter levado a criança ao hospital, a mãe disse à Polícia que não teve tempo, pois trabalha muito. Em exames, foi constatado que Anthony tinha fratura no crânio, tórax, clavícula, no nariz, mandíbula e presença de sangue no ouvido e diversos hematomas na testa e no rosto.

O padrasto foi detido por homicídio triplamente qualificado e a mãe por falso testemunho, com fiança fixada em dez salários mínimos. O caso segue sendo investigado pelo DP Sede de Praia Grande.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho