Hoje: 05/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
Situação de emergência é decretada em mais um município devido a chuvas intensas em MT

Situação de emergência é decretada em mais um município devido a chuvas intensas em MT

  • 16/01/2020
  • TV Centro América

Nova Bandeirantes e Juruena já decretaram situação de emergência em razão dos prejuízos ocasionados pelas chuvas.

 

Com problemas de alagamentos, estradas interditadas e pontes danificadas, a Prefeitura de Juruena, a 893 km de Cuiabá, decretou situação de emergência, nessa quarta-feira (15). Segundo o município, as chuvas intensas registradas nos últimos dias têm prejudicado o tráfego na região.

A zona rural é a que mais sofre com os problemas de atoleiros. No início desta semana, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) proibiu o tráfego de veículos pesados em um trecho da BR-174, que liga Castanheira, Juruena e Colniza.

O trecho não é pavimentado e possui vários atoleiros. A portaria foi assinada depois que a via ficou interditada por causa das chuvas e do transbordamento do Rio Vermelho.

Conforme a portaria, é proibido o tráfego de veículos com o peso bruto acima de 48 toneladas e meia. O controle é feito por meio de balança implantada no início do trecho, no quilômetro 825 da BR-174.

O decreto de emergência de Juruena deve ser publicado no Diário Oficial ainda nesta quinta-feira (16), segundo a prefeitura.

 

Nova Bandeirantes

 

O prefeito Valdir Pereira, de Nova Bandeirantes, a 980 km de Cuiabá, decretou situação de emergência no município em razão dos prejuízos ocasionados pelas chuvas nos últimos três meses.

Em vídeo gravado pelo prefeito e compartilhado nas redes sociais, ele diz que nos últimos três meses as chuvas foram intensas, superando o volume que era esperado para esta época do ano.

Ainda segundo ele, rios e córregos que circundam o município subiram cerca de 2 metros acima do nível normal. O transbordamento atingiu as estradas que dão acesso à cidade, que não têm asfalto.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho