Hoje: 02/04/2020
    Horas: 00:00:00
×
INDEA confirma dois casos de raiva bovina em Apiacás

INDEA confirma dois casos de raiva bovina em Apiacás

  • 24/01/2020
  • Notícia Exata

MT-  Dois casos de raiva bovina foram registrados no município de Apiacás, o INDEA vem realizando o monitoramento das propriedades.

O primeiro caso confirmado foi no dia 19 de dezembro, diante da situação o INDEA iniciou o atendimento tanto na propriedade como em um raio de 12 quilometros, chamado de “perifoco”, atingindo as demais propriedades.

 

Na semana passada, outro produtor rural do município procurou a unidade para informar a suspeita de um bezerro estar infectado.

“Fomos procurados na última sexta-feira pelo produtor e na propriedade encontramos uma desmama de 7 para 8 meses, com os sinais da doença, levantava e caia, andar cambaleante, cabeça virada para o lado, enfim, os mesmos sintomas do primeiro caso”, disse o médico veterinário Anselmo Loose do INDEA.

Na propriedade do segundo caso, o pecuarista havia feito a vacinação a cerca de 18 dias. O animal morreu no domingo, sendo coletado material para análise, o resultado confirmou para um segundo caso de raiva bovina.

A raiva é uma zoonose considerada 100% letal, tanto nos animais como no homem.

Nos casos registrados em Apiacás, a suspeita é de que a doença tenha sido transmitida por morcegos hematófagos e que existam até duas colônias de morcegos hematófagos propagando o vírus.

Diante da situação, os pecuaristas devem ficar atentos, uma lista com as propriedades que estão inseridas no raio de atuação foram distribuídas em lojas de produtos agropecuários, para facilitar o alerta aos produtores.

A orientação aos produtores é de que vacinem o seu rebanho contra a raiva, são duas doses para garantir a imunização dos animais (gado, cavalos, ovinos, caprinos entre outros). Após a vacina, o INDEA deve ser comunicado.

Caso o pecuarista que esteja com a fazenda na área do foco não vacinar o seu rebanho, poderá ser multado.

com informações de Driely Melo - Rede TV.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho