Hoje: 05/06/2020
    Horas: 00:00:00
×
BOLÍVIA:  Prefeito permite festa durante a pandemia e acaba preso

BOLÍVIA: Prefeito permite festa durante a pandemia e acaba preso

  • 08/04/2020
  • O Dia

O prefeito da cidade boliviana de Patacamaya, Tiburcio Choque foi preso nesta terça-feira (7) por permitir uma festa religiosa com cinco dias de duração entre os dias de 12 e 16 de março em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). O país se tornou o foco de contágio da Covid-19, resultando em seis infectados, incluindo quatro paramédicos que foram os primeiros a ter contato com os doentes, e um morto, identificado como o fotógrafo do festival.

À época, o governo boliviano já havia determinado a suspensão de eventos públicos que reunissem mais de cem pessoas. A festa religiosa, porém, realizada entre os dias 12 e 16 de março, atraiu 600 convidados.

O chefe da polícia de investigações de La Paz, Iván Rojas, informou que o prefeito Tiburcio Choque, da cidade de Patacamaya (Sul de La Paz), foi acusado "pelos crimes de ataque à saúde pública, perigo de destruição e quebra de deveres". A denúncia foi feita pelo Ministério Público do país.

Patacamaya, com cerca de 23 mil habitantes, foi completamente isolada nesta terça-feira para evitar a disseminação do novo coronavírus.

A Bolívia registrou 194 casos da Covid-19 , entre os quais 14 mortos, e está há mais de duas semanas em quarentena, sem acesso terrestre ou aéreo.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho