Hoje: 06/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
Anvisa proíbe venda de cloroquina e ivermectina sem receita

Anvisa proíbe venda de cloroquina e ivermectina sem receita

  • 24/07/2020
  • IG

Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu a venda da cloroquina e da  ivermectina sem receitas médicas. Mesmo comprovação científica de eficácia,  os dois medicamentos têm sido procurados para uso no combate à Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). A resolução foi publicada nesta quinta-feira (22) da Diretoria Delegada do órgão no Diário Oficial da União.

Assinado diretor-presidente da agência, Antônio Barra Torres, o texto ainda proíbe a comercialização sem receituário da nitazoxanida, que tem o noome comercial Annita.

Os principais organismos internacionais, como a Organização Mundial da Saúde (OMS), não recomendam o uso antes de resultados mais robustos das pesquisas científicas com esses três remédios e aponta paras os riscos de efeitos colaterais e complicações adversas.

A mudança promovida pela Anvisa, no entanto, não vale para os medicamentos à base de cloroquina distribuídos por programas públicos governamentais. As medidas de controle para os medicamentos se devem em virtude da Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) relacionada ao novo coronavírus.

Nos casos em que há receita, ela deve ser escrita de forma legível, sem rasuras, em duas vias e contendo dados obrigatórios como identificação do médico. Entre essas informações estão endereço do consultório, número da inscrição no Conselho Regional de Medicina, identificação do paciente, endereço completo, nome do medicamento ou da substância prescrita sob a forma de Denominação Comum Brasileira (DCB), dosagem ou concentração, forma farmacêutica, quantidade e data da emissão.

A receita desses medicamentos será válida por 30 dias, a contar da data da emissão.

Quando as prescrições foram feitas por cirurgiões dentistas e médicos veterinários, oe remédios só poderão ser utilizados para esses fins, sendo proibida a indicação para tratamento da Covid-19.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho