Hoje: 13/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
Ministério credencia 38 municípios de MT para receber R$ 10,5 mi, Peixoto de Azevedo na lista

Ministério credencia 38 municípios de MT para receber R$ 10,5 mi, Peixoto de Azevedo na lista

  • 29/07/2020
  • Gazeta Digital

O Ministério da Saúde credenciou centros de atendimento para pacientes com covid-19 em 38 municípios de Mato Grosso para receberem auxílio financeiro emergencial durante 4 meses. Ao todo, será destinado para o estado R$ 10,5 milhões, divididos em 44 centros de atendimento.

Segundo a portaria 1.797/2020, os estabelecimentos de saúde receberão R$ 240 mil cada, divididos em parcelas mensais de R$ 60 mil. Ao todo, o Ministério da Saúde irá disponibilizar R$ 432,4 milhões para o custeio desses centros nos estados.

Esses centros servem para identificar e tratar casos com sintomas leves do coronavírus. A ideia é que eles sejam um atendimento extra no município, custeado pelo governo federal, para que a atenção primária continue sendo realizada como pré-natal e acompanhamento de doenças crônicas. Para receber os recursos, as prefeituras precisam solicitar o credenciamento e disponibilizar um espaço de atendimento, seja um prédio já existente ou um equipamento provisório.

Fazem parte da lista os centros de atendimento para enfrentamento da covid-19 nos municípios de Alta Floresta, Alto Boa Vista, Araputanga, Barra do Garças, Campo Novo do Parecis, Campo Verde, Campos de Júlio, Chapada dos Guimarães, Cláudia, Confresa, Diamantino, Feliz Natal, Figueirópolis D'Oeste, Gaúcha do Norte, Glória D'Oeste, Jaciara, Juara, Lambari D'Oeste, Lucas do Rio Verde, Nobres e Nova Brasilândia.

Completam os credenciados pelo Ministério da Saúde no estado os municípios de Novo Mundo, Paranaíta, Paranatinga, Peixoto de Azevedo, Porto Alegre do Norte, Porto Esperidião, Querência, Rondonópolis, Rosário Oeste, Santa Carmem, Santa Cruz do Xingu, Santa Terezinha, Santo Antônio do Leste, São Feliz do Araguaia, Sorriso, Várzea Grande e Vila Rica.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho