Hoje: 06/08/2020
    Horas: 00:00:00
×
‘GOLPE DA UTI’ Criminosos usam nome do Hospital São Lucas para aplicar golpes

‘GOLPE DA UTI’ Criminosos usam nome do Hospital São Lucas para aplicar golpes

  • 30/07/2020
  • Cenário MT

Estelionatários estão usando o nome do Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde-MT, para aplicarem o velho ‘Golpe da UTI’, que apesar de ser conhecido, voltou a ser aplicado em Mato Grosso, ao passo que os criminosos estão aproveitando o período de pandemia (Covid-19) e se valendo do momento de fragilidade de familiares de pacientes internados.

Os criminosos, nos últimos dias, aplicaram ou tentaram aplicar golpes usando nome de diversos hospitais no estado.

Em Lucas do Rio Verde, de acordo com a gestora do Hospital São Lucas, enfermeira Tatiane Lima, ao menos três vítimas com parentes internados por Covid-19, receberam ligações dos estelionatários. Uma das vítimas chegou a depositar a quantia de pouco mais de R$ 1.800,00 mil, em uma das contas dos criminosos.

Se passando por médicos conhecidos na cidade, os golpistas ligam para a família do paciente, e em nome do hospital, pede para que seja depositado valores exorbitantes para custear o tratamento do paciente.

 

“O golpista exige uma quantia alta e ainda constrange a vítima dizendo que se o valor não for depositado, será encerrado o tratamento ao paciente. O hospital São Lucas alerta a população que a instituição não faz nenhuma solicitação de depósito de dinheiro, nós se quer, passamos informações sobre o paciente por telefone”, explica a enfermeira.

“PEÇO A TODOS QUE, SE RECEBEREM TELEFONEMAS NESSE SENTIDO, QUE FAÇAM O BOLETIM DE OCORRÊNCIA NA POLÍCIA CIVIL, OU SE TIVER ALGUMA DÚVIDA QUE VENHA AO HOSPITAL PARA QUE POSSAMOS ESCLARECER TODAS AS DÚVIDAS”, FRISOU TATIANE LIMA.

 

Assim que teve conhecimento dos golpes, a equipe gestora juntamente com o departamento jurídico da unidade de saúde, munidos de prints enviados pelas vítimas de conversas com os estelionatários, foram à delegacia para que o boletim de ocorrência fosse confeccionado e as autoridades policiais iniciassem as investigações.

A gestora do hospital alertou ainda que os pacientes que estão internados nas chamas UTI’s Covid, são atendidos gratuitamente, ao passo que todo tratamento é custeado pelo Poder Público Municipal. Em relação ao paciente internados nas UTI’s clínicas, esses também não pagam, pois essas unidades de tratamento são mantidas através de convênios com o município e Estado.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho