Hoje: 24/10/2020
    Horas: 00:00:00
×
Procurado pela família há 40 anos, idoso é localizado pela PC em MT

Procurado pela família há 40 anos, idoso é localizado pela PC em MT

  • 16/10/2020
  • Notícias de MT

Há mais de quarenta anos, o então jovem Reinaldo Correa Gomes, hoje com 64 anos, veio para Mato Grosso e desde então, seus familiares que ficaram no estado do Paraná perderam contato com ele. Parentes buscaram o auxílio da Polícia Civil em Mato Grosso e registraram uma ocorrência no Núcleo de Pessoas Desaparecidas (NPD) da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá para localizá-lo.

Conforme a polícia, a partir de técnicas de pesquisa e de informações do banco de dados do NPD, os investigadores conseguiram localizar o senhor Reinaldo em uma chácara, na região do distrito de Nossa Senhora da Guia, município de Cuiabá. A equipe do NPD fez contato com o proprietário do local, que informou que Reinaldo trabalha na chácara há quase 20 anos.

Nesta quarta-feira (14.10), a equipe de investigação foi até o local e conversou com Reinaldo, que confirmou que saiu do Paraná na década de 80 e desde a época perdeu contato com a família que ficou no Sul do país.

Os investigadores fizeram uma chamada de vídeo e Reinaldo conversou com a irmã no Paraná. Bastante emocionado, ele pediu que a irmã venha até Mato Grosso para que possam se rever.

A escrivã-chefe do NPD, Jannaína Paula Brito de Souza Silva, afirma que é gratificante para a equipe do núcleo colaborar com a localização de pessoas desaparecidas ou que perderam o contato com familiares.

A investigação para a localização de Reinaldo Gomes foi realizada pelos policiais civis Rafael Mello e Benildes Campos.

 

Núcleo de Pessoas Desaparecidas

 

Em 2019, o Núcleo de Pessoas Desaparecidas da DHPP de Cuiabá teve um percentual de 93% de esclarecimento nas ocorrências registradas no setor. Foram 876 casos de desaparecimentos registrados na unidade, sendo localizadas 816 pessoas. A maior parte dos casos foi registrada em Cuiabá e Várzea Grande.

De acordo com informações, aPC Polícia Civil de Mato Grosso criou neste ano um banco de dados, em uma página na internet, para divulgar informações e auxiliar na localização sobre pessoas desaparecidas no estado. A página https://desaparecidos.pjc.mt.gov.br reúne informações conforme as ocorrências registradas nas Delegacias da Polícia Civil no estado.

A nova ferramenta dá mais visibilidade e auxilia a população a colaborar para localização de pessoas que estão desaparecidas em diferentes cidades de Mato Grosso e também em outros estados.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho