Hoje: 21/04/2021
    Horas: 00:00:00
×
Após suposta queimadura com narguilé, bebê é retirado dos pais em GO

Após suposta queimadura com narguilé, bebê é retirado dos pais em GO

  • 07/04/2021
  • Metrópoles

Goiânia – Um bebê de apenas 1 ano foi resgatado pelo Conselho Tutelar do município de Jataí, no sudoeste goiano, por suspeita de maus-tratos dos pais. A criança foi resgatada nesta segunda-feira (5/4) após uma denúncia anônima.

Ao chegarem na residência da família, os conselheiros constataram que o bebê tinha uma extensa queimadura pelo braço direito que, segundo informações da Polícia Militar de Goiás (PMGO), foi causada por carvão de narguilé.

De acordo com os conselheiros, foi necessário chamar a corporação porque o casal se recusou a entregar o bebê. O pai, de 24 anos, e a mãe, de 18, foram detidos pela polícia, assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foram liberados em seguida.

Ainda de acordo com o Conselho Tutelar, antes de ser entregue a algum familiar ou levado a um abrigo – a informação está em segredo de Justiça, por isso não pode ser revelada – o bebê recebeu curativos no braço queimado.

 

Resgate

 

Conforme registro da PMGO, a corporação foi acionada para ajuda o Conselho Tutelar a pegar o bebê, pois houve resistência dos pais. Consta no relato que o casal recebeu conselheiros e policiais “com muita falta de respeito”. Por isso, os dois foram levados a uma delegacia, onde o caso foi registrado como “desobediência”.

De acordo com informações do registro policial, a casa em que a família mora estava em más condições de higiene e com mau odor. Não há detalhes de como o bebê se queimou.

A suposta situação de maus-tratos contra o bebê foi registrada pelo Conselho Tutelar na Polícia Civil, que deve investigar o caso, na manhã desta terça-feira (6).

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho