Hoje: 21/04/2021
    Horas: 00:00:00
×
Comerciante de  Sinop que ficou na fila de espera por UTI vence a Covid e tem alta

Comerciante de Sinop que ficou na fila de espera por UTI vence a Covid e tem alta

  • 08/04/2021
  • Só Notícias

Após 14 dias de aflição e muita luta , o comerciante de Sinop/MT  Cristian Brochier, conhecido como Gaúcho de  42 anos, conseguiu vencer a doença. Ele estava internado  em estado grave, aguardando vaga em Unidade de Terapia Intensiva, mas graças a fé e trabalho dos profissionais da saúde, se recuperou. Outros 30 pacientes estavam na frente dele. na fila de espera, por leitos.

Emocionado, Cristian, que tem uma empresa de lanches no bairro Aquarela das Artes, gravou um vídeo e agradeceu a Deus. “Agora está tudo certo, graças a Deus. Foram dias lutando pela vida, mas deu tudo certo, estamos aí. Agradeço todo mundo de coração, pela força com a minha família e logo logo estou aí fazendo fogo no Aquarela e botando para derreter. Se cuidem gente, é muito ruim ficar sem ar, se cuidem”, disse.

Ao Só Notícias, a esposa, Scheila Brochier explicou que agora ele já está em casa com a família. “Já está bem, se recuperando em casa. Foi um trabalho intenso de equipe médica para tentar reverter o quadro dele e não precisar de UTI”, explicou, há pouco.

Scheila também contraiu o vírus e lembrou que os dias foram de aflição, mas agora o sentimento é de gratidão. “Não conseguia trabalhar, com os decretos o movimento caiu bastante então a gente estava lutando para ter da onde tirar dinheiro para arcar com as despesas. Agora é alívio que ele já está em casa, se recuperando. Feliz por contar com pessoas de bem que nos ajudaram, que contribuíram, todo mundo unido em uma causa só”, completou.

Conforme Só Notícias já informou, o casal Jussara Maria Miranda Bergo, 54 anos, e Aparecido Valentim Bergo, 56 anos, se reencontrou na última semana. Casados há 40 anos, eles estavam internados no mesmo hospital devido a Covid e não se viam há 27 dias.

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho