Hoje: 02/08/2021
    Horas: 00:00:00
×
Polícia identifica bandidos do Novo Cangaço mortos em confronto nesta segunda-feira

Polícia identifica bandidos do Novo Cangaço mortos em confronto nesta segunda-feira

  • 21/06/2021
  • Hiper Notícias

A Polícia Militar identificou os dois criminosos mortos no confronto com a Força Tática em Nova Bandeirantes (1.200 km de Cuiabá) na manhã desta segunda-feira (21). Trata-se de Diego de Almeida Costa, de 30 anos e Adailton Santos da Silva, de 40 anos. A dupla é suspeita de ter participado do roubo a duas agências bancárias na cidade no dia 4 de maio.

De acordo com o tenente-coronel Ronaldo Roque da Silva, a equipe do Bope havia localizado quatro criminosos que estavam escondidos na mata. Algum tempo depois, dois dos criminosos entraram em confronto com os agentes da Força Tática e foram baleados.

A dupla chegou a ser socorrida para uma unidade médica, mas não resistiu. Com os bandidos foi encontrado roupas camufladas, uma quantia em dinheiro que teria sido roubada das duas agências bancárias, além de armas de fogo.

"As equipes foram fazer as buscas nas propriedades rurais e em uma delas, os indivíduos efetuaram os disparos contra a guarnição que revidou. Com eles foi encontrado um montante de dinheiro, armas e continuamos as buscas", afirmou Roque.

Após o ocorrido, os agentes do Bope e da Força Tática retomaram as buscas na região de mata para localizar os demais bandidos. 

Além deles, outros quatro homens foram mortos em um confronto com o Batalhão de Operação Especiais (Bope) no dia 10 deste mês. São eles: Waldeir Porto Costa, de 25 anos, Romário de Oliveira Batista, de 35 anos, Maciel Gomes de Oliveira, de 37 anos, e Luiz Miguel Melek, de 40 anos.

 

Roubo às agências

 

Duas agências bancárias na cidade de Nova Bandeirantes ( a 1.200 km de Cuiabá) foram roubadas no dia 4 de junho. Os policiais disseram que os criminosos fizeram os reféns de escudo humano por cerca de 15 minutos. 

Durante o confronto com o Bope no dia 10 deste mês, os agentes conseguiram recuperar R$ 164,7 mil. O dinheiro foi encontrado na caminhonete usada pelos quatro criminosos.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho