Hoje: 29/11/2021
    Horas: 00:00:00
×
Inscrições para pesquisas sobre Defesa vão até 2022

Inscrições para pesquisas sobre Defesa vão até 2022

  • 05/11/2021
  • Ministério da Educação

A CAPES estendeu prazos do Edital nº 14/2021, do Programa de Pesquisas no Exterior em Áreas Estratégicas para a Defesa Nacional (Propex-Defesa). As instituições devem solicitar cadastramento no sistema da Fundação até as 17h de 4 de fevereiro de 2022, uma semana antes da data-limite para inscrição dos candidatos (11 de fevereiro). A iniciativa vai beneficiar até 50 pesquisadores civis e militares, para exercerem atividades no exterior a partir de agosto de 2022.

Cinco dias após o fim do prazo para apresentação das candidaturas, a CAPES publicará uma relação com as inscrições recebidas. Elas serão analisadas até maio, mesmo mês para o qual está prevista a divulgação do resultado final. As alterações das datas foram publicadas na edição desta quarta-feira, 3 de novembro, do Diário Oficial da União, e constam no site da Agência.

Além de apoiar a formação e a capacitação de pessoal, o Propex-Defesa ampliará as relações  acadêmicas entre instituições de ensino superior e institutos de pesquisa brasileiros, civis e militares, com seus pares estrangeiros.

A seleção envolve sete áreas estratégicas: Defesa cibernética, Agentes biológicos e toxinas: biorrisco e gestão de biossegurança, Energia nuclear e combustíveis, Monitoração de radionuclídeos em amostras ambientais, Satélites, estações de solo e outros dispositivos aeroespaciais, Análise e processamento de imagens espaciais, e Questões estratégicas ligadas ao emprego dos poderes marítimo, militar terrestre, e aeroespacial.

 

Financiamento

 

Os pesquisadores civis selecionados receberão o apoio da CAPES, com bolsas nas seguintes modalidades: professor-visitante sênior, professor-visitante júnior ou pós-doutorado, e doutorado-sanduíche. Já as Forças Armadas e o MD serão responsáveis pelo apoio aos militares do Exército, da Aeronáutica e de outras instituições vinculadas à pasta da Defesa, como a Escola Superior de Guerra (ESG) e o Hospital das Forças Armadas (HFA). Para esse grupo, serão ofertadas bolsas de pós-doutorado ou doutorado-sanduíche.

edital do Propex-Defesa prevê investimento de até R$ 20,77 milhões, sendo R$ 4,23 milhões disponíveis pela CAPES, R$ 8,56 milhões da Força Aérea Brasileira e R$ 7,97 milhões do Exército Brasileiro.

Confira a alteração do edital.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho