Hoje: 29/11/2021
    Horas: 00:00:00
×
Governo quer que celulares sejam usados como garantias em empréstimos

Governo quer que celulares sejam usados como garantias em empréstimos

  • 25/11/2021
  • Yahoo Notícias

Nesta quinta-feira (25), o governo federal encaminhou, em caráter de urgência, um projeto de lei para aprovação no Congresso. O objetivo da nova legislação é melhorar o sistema de garantias de empréstimos e facilitar a tomada de crédito no país.

Dentre as principais mudanças está a possibilidade de oferecer uma gama de itens, como o celular, como garantia para um empréstimo. Estima-se que a nova lei permita a movimentação de R$ 10 trilhões só no crédito imobiliário.

"O trabalhador, o empresário...agora ele pode usar, por exemplo, o celular em garantia. Você pode ir em qualquer lugar (...) Quanto vale seu celular? R$ 700, eu pego isso em garantia”, disse o secretário de Política Economia do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida.

Além disso, o novo projeto também permitirá que o tomador possa realizar um novo empréstimo mesmo que não tenha quitado a última prestação. Garantias também poderão ser usadas para vários empréstimos, como por exemplo, um imóvel poderá ter seu valor fracionado e ser utilizado em empréstimos diferentes.

"Nós estamos devolvendo ao dono da garantia o seu direito de usá-la porque onde não é assim. Você vai a um banco, por exemplo, você tem uma casa de um milhão de reais, você pega R$ 100 mil emprestado e a casa inteira fica para o banco, está errado isso. A garantia é do trabalhador, é do empreendedor. — Você tem uma casa de R$ 100 mil. Pega R$ 10 mil emprestado. Os outros R$ 90 mil são seus", acrescentou Sachsida.

O novo marco permitirá também o resgate antecipado de Letras Financeiras e propõe o fim do monopólio da Caixa no setor de penhor.

 

Diminuição na taxa de Juros

 

Com o aumento da quantidade de bens que podem ser dados como garantias (equipamentos, máquinas, veículos, etc), é esperado pelo Ministério da Economia que a principal consequência seja a diminuição da taxa de juros.

"Com um sistema de garantia mais eficiente, o mercado de crédito se expande e a taxa de juros cai naturalmente. O canal de crédito ganha força para auxiliar na retomada econômica no próximo ano e nos demais", disse

Segundo o secretário de Política Econômica, pode-se esperar uma redução da taxa praticada de 5% ao mês para 1,4%, aproximadamente.

"Que tal pensarmos numa empresa? Quantos empresários estão precisando de crédito e não conseguem pegar crédito barato porque não tem a garantia? O novo mercado de garantias torna o crédito mais barato para todos os empresários, principalmente os pequenos", disse Sachsida.

Por fim, o secretário relembrou a fala dada em 2019 pelo ministro da Economia, Paulo Guedes: "Ele falou: foca nas garantias, que esse é o caminho para o trabalhador brasileiro".

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Patrocínio:

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho