Hoje: 17/11/2019
    Horas: 00:00:00
×
Microsoft fecha convênio de R$ 13 milhões com Cuiabá

Microsoft fecha convênio de R$ 13 milhões com Cuiabá

  • 23/08/2017
  • PORTAL MATO GROSSO

Em reunião realizada nesta segunda-feira (21), em Fort Lauderdale, Flórida (EUA), o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, fechou um convênio no valor estimado de R$ 13 milhões com a multinacional de tecnologia e informática, Microsoft, que serão repassados ao Município em forma de produtos. Cuiabá é a segunda cidade brasileira a firmar esse tipo de parceria em 2017, permitindo investimentos nas áreas da educação e tecnologia. 

A assinatura do Protocolo de Intenções é fruto de um intenso trabalho de negociações e convencimentos que o gestor tem realizado nos Estados Unidos, buscando abrir as portas da Capital para o recebimento de recursos em diversas áreas. Por meio do compromisso, a rede municipal de ensino receberá a doação de softwares e o acesso gratuito, para professores e alunos, a diversos programas educacionais da multinacional.

 

“Foi uma reunião que, como prefeito de Cuiabá, me deixou extremamente emocionado e empolgado por estar promovendo um ato inédito na história da Capital. Assinamos esse Termo de Cooperação para a Educação, onde vamos promover a transformação da nossa Capital, a construção do conceito de ‘cidades inteligentes’, e o desenvolvimento sustentável através da educação”, contou Emanuel.

 

Uma das possibilidades oferecidas pelo acordo é a disponibilização da solução Office 365 (versão Educação). O software permitirá aos estudantes e educadores o acesso à exibição e edição de arquivo em Word (editor de textos), Excel (planilha de cálculos), PowerPoint (apresentação de slides), OneNote (bloco de notas dinâmico), e ferramentas baseadas na produção de documentos de formato não proprietário (OpenXML), que facilitam o aprendizado e desenvolvimento dos alunos.

 

Também como apoio à promoção da inovação em sala de aula, a empresa possibilitará o registro ao maior portal de colaboração mundial para professores e diretores de escolas, o Microsoft Educator Network – Rede de Parceiros na Aprendizagem. Através desse ambiente, como ferramenta de troca de conhecimento e colaboração da comunidade escolar, os servidores da educação poderão participar de fóruns de discussão e terão à disposição aplicativos gratuitos para download e uso em sala de aula.

 

“Essa é a primeira de uma série de parcerias que queremos fazer para a eficiência da gestão. Queremos, muito em breve, levar essas ações também para a área da saúde, da assistência social, da segurança, e várias outras. Esse é o maior patrimônio que queremos deixar. Uma quebra de paradigma, a criação de um novo modelo e conceito, e a mudança de mentalidade, preparando nossa capital para os 300 anos e deixando como legado a formação das nossas crianças e a preparação das novas gerações” argumentou o prefeito. 

 

Além disso, visando fomentar o empreendedorismo e o crescimento de empresas iniciantes (startup), a Microsoft oferece também a adesão ao programa “BizSpark”. O programa inclui acesso a software de alta tecnologia, a treinamento de negócios, e a ferramenta “Microsoft Azure”, uma plataforma voltada para a criação e desenvolvimento de programas e serviços, facilitando a colocação dos produtos criados pelas startups no mercado.

 

O diretor de Planejamento Estratégico da Microsoft, Angelo Caceres Paula, destaca que esse é um tipo de parceria que a empresa fecha com poucas cidades no mundo, sendo que no Brasil apenas a cidade de São Paulo havia conseguido firmar o acordo. “É um prazer e uma honra estabelecer essa união com a Prefeitura de Cuiabá, pois entendemos que Cuiabá tem se tornado uma cidade liderança, por meio do projeto dos 300 anos, impactando de forma positiva a sociedade cuiabana, através da educação, que é um pilar fundamental no mundo”, pontuou o diretor.

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho