Hoje: 22/08/2019
    Horas: 00:00:00
×
Vacinação contra gripe deve imunizar 16 mil presos e agentes penitenciários em MT

Vacinação contra gripe deve imunizar 16 mil presos e agentes penitenciários em MT

  • 07/05/2019
  • G1 MT

Vacinação contra gripe deve imunizar 16 mil presos e agentes penitenciários em MT

Dezesseis mil pessoas, entre presos e agentes penitenciários, devem ser vacinados na campanha de vacinação contra influenza em Mato Grosso.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp), do total, são 13,5 mil presos e 2,5 mil servidores prisionais.

Só em Cuiabá, estima-se a aplicação, até o dia 10 de maio, de 5,1 mil doses de vacina, sendo 4,4 mil doses destinadas à população privada de liberdade e 700 direcionadas a servidores.

A Diretoria de Saúde do Sistema Penitenciário iniciou a campanha nas unidades prisionais de Cuiabá no dia 30 de abril. Nacionalmente, a iniciativa começou no dia 15 de abril, com previsão de encerramento em 31 de maio.

Os privados de liberdade e servidores do sistema penitenciário foram eleitos como grupos de risco pelo Ministério da Saúde devido à vulnerabilidade à doença, uma vez que pessoas que vivem em ambientes aglomerados estão expostas ao maior risco de contrair a infecção.

As doses ofertadas pela rede pública de saúde são trivalentes, ou seja, protegem contra três subtipos do vírus influenza. Em 2019, a vacina protegerá contra os vírus H1N1, o H3N2 e o influenza do tipo B Victória.

A versão tetravalente, comercializada na rede privada, protege contra os mesmos vírus mencionados, estendendo também a imunização contra o vírus influenza tipo B Yamagata.

Anualmente, a composição das vacinas é atualizada, baseada nas mutações constantes do vírus influenza e nos subtipos com maior probabilidade de circular no país nos próximos meses.

É importante a vacinação periódica, principalmente dos grupos de risco, pois não se trata da mesma vacina de um ano para o outro.

Todas as pessoas incluídas nos grupos de risco devem tomar a vacina, exceto aqueles que apresentem reações alérgicas graves a ovo (parte do processo de fabricação do imunobiológico).

Devem postergar a aplicação da vacina aqueles que apresentem febre, pois se trata de uma possível reação vacinal, assim como a dor no local da aplicação, comumente observada.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho