Hoje: 23/05/2019
    Horas: 00:00:00
Logo
×
Família registra sumiço de aeronave que saiu de Rondônia com 2 pessoas e pode ter caído em Guarantã do Norte

Família registra sumiço de aeronave que saiu de Rondônia com 2 pessoas e pode ter caído em Guarantã do Norte

  • 08/05/2019
  • Só Notícias

A vendedora de roupas Keila Cassiano da Silva registrou na delegacia de Polícia Civil de Guarantã do Norte (233 quilômetros de Sinop) o desaparecimento do avião modelo Paradise, prefixo PU-PPY com o marido dela Joerli Silvares Teixeira, de 34 anos (foto), e o piloto (identidade não confirmada). Ela explicou, em entrevista, ao Só Notícias, que eles saíram de Espigão D’Oeste (RO), no último domingo. “Decolaram por volta das 8h. Consegui falar com Jorlei pelo celular por volta das 12h, mas a ligação ficou muito ruim e acabou perdendo contato. Sabemos que eles iriam parar em Redenção (PA) para reabastecer a aeronave e, depois, seguiriam para Fortaleza (CE), onde o piloto que é amigo dele mora”, disse Keila Cassiano.

Ela explicou ainda que, durante o trajeto, recebeu uma foto de Jorlei Silvares sobrevoando a região do rio Peixoto. “Por isso, acreditamos que a aeronave pode ter caído nessa região entre Mato Grosso e o Pará. Também confirmamos que em Redenção onde ele ira reabastecer nem sequer chegou. Alguma coisa aconteceu. Ele me mandou uma foto sobrevoando a região e pode ter caído nesse intervalo para frente”.

Keila Cassiano disse ainda que precisa de ajuda para realizar as buscas. “Precisamos de ajuda para encontrar o avião. Nós não temos condições de fazer voo particulares. Nós estamos desesperados pelo tempo que estão desaparecidos e não temos informação nenhuma do que realmente pode ter ocorrido”.

Jorlei Silvares é proprietário de uma revendedora de veículos em Espigão D’Oeste.

A assessoria da Força Aérea Brasileira (FAB) informou que até o momento, o Salvaero Amazônico, unidade responsável por coordenar buscas aéreas na região, não foi notificado sobre a ocorrência.

Só Notícias informou, há poucos dias, outro caso de desaparecimento de piloto e aronave. A família do piloto e morador de Sinop, Cleiton Figueiró Rodrigues, de 27 anos, procurou a delegacia da Polícia Federal para denunciar o desaparecimento e também pedir ajuda nas investigações. Ele está desaparecido há mais de 30 dias. Ele decolou no dia 1º de abril com um avião Cessna Aircraft, modelo 210M do aeródromo do Canarinho (localizado na MT-140 em Sinop) com destino ao município de São Félix do Xingu (PA) e, desde então, não foi mais visto.

Só Notícias/Cleber Romero (fotos: arquivo pessoal - atualizada às 16h22)

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho