Hoje: 22/07/2019
    Horas: 00:00:00
×
Aposentados não precisarão ir às agências do INSS a partir de julho

Aposentados não precisarão ir às agências do INSS a partir de julho

  • 14/05/2019
  • Portal R7

As filas quilométricas em frente às agências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) estão com os dias contados. A partir do mês de julho, a internet e o telefone serão as únicas formas que aposentados e pensionistas terão para solicitar qualquer um dos 96 serviços do órgão.

 

A medida faz parte do projeto de transformação digital do INSS, que deu o primeiro passo nesta segunda-feira (13) e estabeleceu que pedidos de recurso, revisões e cópias do processo de aposentadoria sejam realizados exclusivamente pela plataforma Meu INSS ou pelo telefone 135.

 

"Ao final do mês de junho, o cidadão não precisará ir ao INSS para nenhum pedido novo de serviço", afirma o diretor de atendimento do INSS, Castro Júnior, que destaca a necessidade do comparecimento a uma agência apenas para receber a informação do resultado de alguns requerimentos.

 

Com as mudanças programadas para valer nos próximos 45 dias, Castro Júnior estima que as agências do INSS realizarão cerca de 600 mil atendimentos a menos todos os meses.

 

 

 

"O grande objetivo do governo federal é dar mais comodidade ao cidadão para que ele efetivamente não precise mais gasta energia e sair do conforto do lar para ter que se deslocar até uma agência do INSS”, destaca o diretor de atendimento, que observa a necessidade atual de comparecer ao menos duas vezes a uma agência ao solicitar um requerimento.

 

A mudança também atende aos moradores dos 4.170 municípios brasileiros que não têm agências do INSS. De acordo com Castro Júnior, a modernização servirá para que esses cidadãos não tenham que se deslocar, correr risco de acidente e perda tempo e dinheiro.

 

Os aposentados e pensionista que não têm acesso à internet poderão recorrer às ligações para o número 135 e conversar diretamente com um atendente para tirar dúvidas e solicitar os requerimentos.

 

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho