Hoje: 16/06/2019
    Horas: 00:00:00
×
Moro é criticado por petistas de MT após publicações de diálogos e recebe apoio de Selma e Medeiros

Moro é criticado por petistas de MT após publicações de diálogos e recebe apoio de Selma e Medeiros

  • 11/06/2019
  • Só Notícias

O vazamento das conversas da força-tarefa da Lava Jato, que no site Intercept Brasil mostram supostas conversas suspeitas entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, à época juiz federal, com integrantes do Ministério Público Federal responsáveis pela investigação, divide a opinião dos políticos em Mato Grosso. Da oposição, os petistas pedem afastamento do ministro e do lado governista, o apoio é irrestrito a Moro.

Pelo PT, a deputada federal Rosa Neide ironizou o vazamento fazendo uma comparação com as conversas dos ex-presidentes Lula e Dilma, em 2016, que impediram a nomeação de Lula como ministro, e ressaltou o fato de existir mais material a ser divulgado.

“Após a divulgação de conversas entre os procuradores da Lava Jato e o então juiz Sérgio Moro, hoje ministro da Justiça e Segurança Pública, o editor-executivo do The Intercept Brasil, Leandro Demori, comentou as ações que levaram à publicação do conteúdo. Segundo ele, apenas “1% do material” recebido foi analisado e publicado pelo site. Imagine os outros 99%”, postou nas redes sociais.

O presidente do Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso, deputado Valdir Barranco, foi mais contundente e pediu o afastamento de Moro para que não haja interferência nas investigações.   “A Justiça está nua no Brasil. Sérgio Moro, se tiver o mínimo de ética e dignidade, pede para sair do ministério. Diante dos fatos, não pode o ministro da Justiça, que comanda a Polícia Federal, que vai investigar tudo isso, continuar no cargo. No Congresso, o bloco de oposição (PT, PCdoB, Psol, PSB e PDT) já está cobrando do governo posicionamento firme para que as denúncias sejam de fato investigadas e os culpados punidos”, publicou.

Pelo lado governista, o deputado José Medeiros (Podemos) usou a ironia para defender o governo de Jair Bolsonaro (PSL). Numa postagem, perguntou se “Lula não havia sido condenado sem provas?”, em outra tentou desacreditar o site Intercept Brasil e numa terceira disse apoiar a Lava Jato. “Quem levanta a voz para querer anular condenações e pede liberdade a todos aqueles que roubaram o país, não faz isso pelo Brasil. Entendam, definitivamente, que o tempo do poder dos inimigos desta nação já foi”, disse.

A senadora Selma Arruda (PSL) evitou o assunto nas redes sociais, mas em entrevistas disse confiar na integridade de Moro, não saber se o conteúdo é real e que, mesmo que sejam, não vê problemas.

Só Notícias/Marco Stamm, de Cuiabá (foto: Marcelo Camargo/Abr/arquivo)

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho