Hoje: 22/08/2019
    Horas: 00:00:00
×
Organismo da ONU distribui kits de higiene a imigrantes venezuelanos

Organismo da ONU distribui kits de higiene a imigrantes venezuelanos

  • 13/06/2019
  • Repórter Nacional - Amazônia



Ação visa principalmente à promoção da saúde sexual e reprodutiva

Cerca de 750 kits de higiene e itens básicos foram distribuídos nos últimos três meses pelo Unfpa, Fundo de População das Nações Unidas, para migrantes venezuelanos que vivem em situação de risco em Boa Vista, Roraima.

A ação visa principalmente à promoção da saúde sexual e reprodutiva. O kit oferece itens como preservativos, roupa íntima, chinelos, escova de dentes, shampoo e absorventes. 

A iniciativa já alcançou bons resultados e deve ser ampliada. A meta do Fundo de População das Nações Unidas é distribuir em Roraima mais seis mil e quinhentos para venezuelanos até o fim do ano. 

Foram incluídos no kit lanternas e apito para prevenção de casos de violência de gênero contra mulheres e população LGBT. 

Irina Bacci, oficial de programa para assistência humanitária do Unfpa, explica porque o material também pode ser chamado de kit dignidade. “É um instrumento a dar dignidade as pessoas que passando pelo processo de migração forçada acabam passando por privações como não ter onde tomar banho, não ter acesso a higiene, pessoas que vivem nas ruas e nos abrigos, e todo processo de violência por ter que abandonar a suas casas, as suas histórias de vida.”

A distribuição do material é realizada em parceria com a organização Visão Mundial e com o Fundo Central de Resposta de Emergência das Nações Unidas, que financia o projeto.

Estudo divulgado esta semana pela ONU revelou que cerca de quatro milhões de venezuelanos deixaram a Venezuela desde 2014, quando a crise política e econômica se intensificou. A Colômbia foi o país que mais recebeu refugiados, seguida de Chile, Equador, Brasil e Argentina.

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho