Hoje: 24/08/2019
    Horas: 00:00:00
×
Governo do Estado avança em nova etapa para obter empréstimo de US$ 250 milhões

Governo do Estado avança em nova etapa para obter empréstimo de US$ 250 milhões

  • 13/08/2019
  • Só Notícias

O governador Mauro Mendes e o secretário de Fazenda Rogério Gallo se reuniram, hoje, com o secretário do Tesouro Nacional do Brasil, Mansueto Almeida, para tratar da liberação do empréstimo de US$ 250 milhões com o Banco Mundial e Mauro apontou que foi possível vencer mais uma batalha para o empréstimo ser concedido. “Essa foi uma agenda importante para Mato Grosso, mais um capítulo para nós conseguirmos efetivar a nossa repactuação de dívida do Bank of América com o Banco Mundial. Agradeço muito aos técnicos do tesouro que estão tendo uma atitude muito diligente com o Estado de Mato Grosso ”, destacou.

O secretário Massueto destacou o trabalho realizado pelo Estado até o momento. “Nós vamos analisar, mas quero salientar o seguinte, que o Estado de Mato Grosso na atual gestão tem feito um excelente trabalho de ajuste fiscal. O governador pegou um Estado com as contas desequilibradas, que está com nota C e já, desde o início do ano, tem aprovado medidas importantes na Assembleia Legislativa sinalizando que o Estado busca de fato um equilíbrio fiscal de recuperar a sua capacidade de investimento”, ressaltou o secretário.“Para nós do tesouro nacional é uma alegria ver sua equipe empenhada na busca do ajuste fiscal e do controle de suas despesas”, emendou.

Ainda há outras duas etapas até que o processo chegue ao Senado Federal para aprovação dos parlamentares. “Como esse assunto vai para a comissão de assuntos econômicos. Lá nos temos os três senadores que atuaram na mesma linha. Esse empréstimo é bom para Mato Grosso, dá um fôlego fiscal e ajuste nas contas, a questão salarial e as obras que precisam ser tocadas, principalmente, as obras inacabadas. Então, ele tem o apoio de toda a bancada, porque tenho certeza que isso vai viabilizar a curto e médio prazo a situação econômica do Estado”, afirmou o senador Wellington Fagundes.

O líder da Bancada Federal, Neri Geller, que também acompanhou a agenda do governador, destacou que “o Estado de Mato Grosso tem feito os enfrentamentos que são necessários e essa matéria é exatamente nessa linha, de reduzir a taxa de juro de uma dívida que acaba por penalizar Mato Grosso, para que possamos tirar o Estado desse atoleiro”.

Mauro Mendes enalteceu o apoio “da nossa bancada federal e o senador Wellington Fagundes. Ainda temos outras etapas para serem vencidas”.

    Compartilhar:

Patrocínio

Recados


De: Rebotec para Ao Interessados
Recado:Ultimamente tá difícil a vida de pedreiro ou carpinteiro no município... Governo cria o MEI para legalizar a atividade e a administração fere a lei para se beneficiar em recolhimento acima do permitido. Em contrapartida têm em suas obras as ilegalidades trabalhistas onde não se sabe se ganham pela prefeitura ou pela empresa licitatória. Mas em tempo que vereador vai para o ponto P e bate no ponto C, fica difícil de um fiscalizar o outro. Enquanto isso vamos construindo uma cidade melhor, pois pelos órgão públicos o prejuízo é grande.
De: Contribuinte para Para Administração Pública
Recado:Boa tarde! A grande maioria dos pioneiros sabem da história complicada do Bairro Guaranorte. Sou morador do Jardim Vitória e estamos em recuperação de ruas, daquele jeito, mas está saindo. Agora o que me preocupou com tristeza é o descaso com o pessoal daquele bairro, para trafegar precisa tirar par-ou-impar entre os veículos. E aquela ponte de madeira! Alguém sabe se é patrimônio histórico? Até parece território desmembrado do município, lá também existe arrecadação de impostos (água, luz e telefone)... e votos. Seria ótimo serem lembrados... pronto falei.
De: Eterno Opositor para Contribuinte aloprado
Recado:Hein, fala mais com minha mão aqui. bibibi.... acho que você é alopradinho e não percebeu que também tinha testemunhas....mas....vi que é alopradinho, puxou estorinhas do baú, sítio do pica-pau amarelo, etc para querer parecer com a razão. beijinho